O WCF Test Client é uma ferramente disponível junto do Visual Studio, que permite que serviços sejam testados sem precisar criar uma aplicação cliente para isso. Ele permite, de uma forma rápida, informar os parâmetros de entrada, invocar o serviço e visualizar a resposta retornada. Esta é a tela principal dele:

Quando usamos o Visual Studio para criar uma WCF Service Application, ao compilarmos, o WCFTestClient é executado automaticamente. Já outros templates, como por exemplo o WCF Service (File > New > WebSite), ao compilarmos, o Visual Studio abre diretamente o serviço no browser, como é possível ver na imagem abaixo.

Em situações como esta, mesmo com o serviço sendo aberto diretamente no browser, podemos também usar o WCFTestClient para testá-lo. Para isso basta executar o arquivo WcfTestClient.exe, que pode ser encontrado em um caminho semelhante a este: C:\Program Files\Microsoft Visual Studio 10.0\Common7\IDE\WcfTestClient.exe (veja a imagem a seguir)

Ao executá-lo, para habilitar um serviço para testes existem duas opções:

1) Vá até o menu File, em seguida na opção Add Service.

2) Clique com o botão direito do mouse sobre My Service Projects e então clique em Add Service…

Na tela Add Service, informe o endereço do WSDL do serviço e clique em OK.

Após o serviço ser adicionado, todas as suas operações serão exibidas na lista do lado esquerdo da tela. Ao duplo-clicar uma delas, a tela de teste aparecerá do lado direito, possibilitando a digitação dos parâmetros de entrada do serviço.

Informe os valores para os parâmetros de entrada e clique em “Invoke”.

OBS: Existe a possibilidade de selecionar a opção ‘Start a new proxy‘, que como o próprio nome diz, criará uma nova instância do proxy cada vez que o serviço for invocado através do WcfTestClient.

Pronto! O resultado aparecerá no quadro “Response”.

É possível também visualizar os conteúdos XML de Request e Response, para isso basta clicar na aba XML, no canto inferior da tela.

Acho uma ferramenta muito útil!

Um tutorial completo sobre o assunto pode ser encontrato aqui.