A Internet como ferramenta de TI

Deixe um comentário

A tecnologia sofre um processo brutal de transformação, o que obriga que todos nós sempre estejamos alinhados a ela. A internet pode ser uma ótima ferramenta, estreitando os laços entre pessoas e empresas.

A tecnologia, como forte agente de transformação, viabiliza novas formas de pensar, se relacionar, fazer negócios, trabalhar, gerenciar, comprar, vender, etc. Entre todas as tecnologias da informação, uma das mais usadas hoje em dia é a Internet. Por meio dela criou-se uma nova estrutura digital, permitindo compartilhar informações entre pessoas, empresas, organizações e nações, que cada vez mais ficam dependentes da tecnologia para obterem sucesso, e em alguns casos, não resta a opção de não adotá-la.

A internet, como importante ferramenta de TI, acima de tudo, proporcionou o aumento de produtividade. Podemos utilizá-la com vários propósitos, entre eles para contatos profissionais, divulgação de estudos, divulgação de produtos, efetuar transações bancárias, dentre várias outras possibilidades.

Diariamente, as pessoas e organizações têm desafios cada vez maiores, e a competitividade aumenta rapidamente. Para se dar bem nesse cenário complexo, todos nós dependemos cada vez mais de informação de qualidade. Nas organizações, já é praticamente impossível não incorporar a tecnologia no Planejamento Estratégico.

Apenas para termos idéia do avanço tecnológico, o telefone celular que carregamos no bolso hoje é de 10 a 20 vezes mais rápido do que os computadores que usávamos há 12 ou 13 anos (aqueles que tinham o botão “Turbo”).

Com o aparecimento da Internet, a economia mundial passou a ter outro aspecto: A tecnologia tende a tornar-se a força dominante, aumentando o alcance da tecnologia de informação a mais e mais pessoas a cada dia.

Com todas essas mudanças no mercado, foram iniciadas novas formas de negócios onde as empresas estão quase que obrigadas a se adequar aos novos modelos, como lojas virtuais, catálogos digitais, realidade aumentada, etc. Através destes novos modelos, fornecem ao cliente formas diferenciadas de atendimento, novos produtos, preços diferenciados, etc.

Hoje é possível realizar quase todas as tarefas bancárias pela internet, entre elas, pagar contas e fazer transferências, ou seja, a internet facilitou imensamente o alcance à informação.

Apesar de toda essa facilidade, ainda existe certo receio de muitas pessoas em fazer transações pela internet, devido aos inúmeros casos de falta de segurança, pois informações importantes, como dados pessoais, passam por diversos sistemas antes de chegarem ao destino e podem ser copiadas, monitoradas, armazenadas em qualquer ponto, sendo utilizadas de forma inadequada por pessoas mal-intencionadas, etc.

CONCLUSÃO

Dizer que a vida das pessoas e empresas está nas mãos da tecnologia já não é mais assustador. As empresas estão tão dependentes de tecnologia que um único dia sem ela trará muito prejuízo. Para nós também! Em todo esse aspecto podemos incluir o uso da internet e telecomunicações em geral, cada vez mais crescente, e que aderem às necessidades dos usuários, tornando as pessoas cada vez mais próximas umas das outras.

__________________________________________

OBS: Este artigo foi escrito como trabalho a ser entregue na disciplina Gestão de Tecnologia da Informação do curso de Inteligência de Negócios da Faculdade de Tecnologia de Jaú – FATEC.

Referências

Obrigado e até mais!

Anúncios

Top 10 Recursos de Desenvolvimento do SQL Server 2008

Deixe um comentário

Encontrei hoje um artigo que mostra um top 10 dos melhores recursos de desenvolvimento no SQL Server 2008. Para quem tiver interesse, o link é este.

SQL server 2008 improves developer productivity by providing seamless integration between frameworks, data connectivity technologies, programming languages, Web services, development tools and data. This article covers the top 10 developer features introduced in SQL server 2008.

Fonte: The Database Journal

Obrigado e até mais!

Aplicando temas no Visual Studio 2010

4 comentários

A extensão “Visual Studio Color Theme Editor” permite aplicarmos temas no Visual Studio 2010. Alguns temas já são pré-preparados, como “Windows Aero”, “Windows Classic”, etc. Para fazer download basta acessar o site do Visual Studio no MSDN e ir em Gallery.

Permite aos usuários personalizar o Visual Studio 2010, as cores utilizada nos menus, barras de ferramentas, abas, barras de título e as cores do ambiente. A explicação passo a passo detalhado que descreve todas as características estão disponíveis aqui.

Aplicar temas: 

O menu Theme lista os temas atualmente instalados e permite trocar rapidamente os temas. 

Editar temas: 

Existem várias funcionalidades que tornam mais fácil a criação de novos temas ou editar temas existentes. 

Copiar e colar cores: 

Ao selecionar uma ou mais cores na caixa de diálogo Customize Colors, você pode copiar as cores. Na área de transferência, esses valores são armazenados como valores hexadecimais como RGB em uma seqüência delimitada por vírgulas. Você pode então colar os valores em outra cor. Você pode até mesmo usar as cores copiadas em células do Excel, por exemplo. 

Desfazer e refazer alterações: 

Qualquer uma das operações que tomar quando o a caixa de diálogo Customize Colors estiver aberta pode ser desfeita e refeita. 

Importação e exportação temas: 

Por padrão, o atual conjunto de temas personalizados é guardado no registro, e restaurado a cada vez que você iniciar o Visual Studio. No entanto, você pode exportar as cores em um arquivo VSTHEME para fins de backup ou para compartilhar com amigos.Tenha cuidado: a importação de um tema que você já tem irá substituir a cópia atual.

Fonte: Visual Studio Color Theme Editor – Microsoft

Depois de instalado, um novo menu será disponibilizado no Visual Studio permitindo a troca do tema ou criação de temas customizados.

Veja diferenças entre alguns temas disponíveis:

Default:

Windows XP Blue:

Emerald:

Para customizar algum tema ou criar um novo, escolha a opção Customize Colors.

Se desejar desinstalar / desabilitar esta extensão, vá em Tools > Extension Manager, escolha a aba All, clique sobre ‘Visual Studio Color Theme Editor’, e escolha a opção desejada (‘Disable’/’Uninstall’).



Obrigado e até mais!

Visual Studio LightSwitch

Deixe um comentário

A Microsoft liberou para a comunidade do MSDN em 18/09 o download do Visual Studio LightSwitch na versão beta, que promete permitir que usuários não desenvolvedores criem aplicações windows, web e nas nuvens. Além disso, é possível utilizar VB.Net e C# nas aplicações.

O Visual Studio LightSwitch utiliza modelos e outros componentes que facilitam a criação de aplicações para PCs, para a Web e para a nuvem e, em muitos casos, não requer que o usuário tenha que lidar com o código durante o processo.

De acordo com a Microsoft, os usuários do LightSwitch podem usar o Visual Basic ou C# para as aplicações e podem até mesmo conectar suas aplicações ao Excel, SharePoint ou aos serviços do Windows Azure.

Além disso, os usuários podem criar suas aplicações para que elas sejam executadas em qualquer ambiente compatível com o Silverlight: navegadores (Internet Explorer, Safari, Firefox), em PCs com o Windows ou no Windows Azure, por exemplo.

Embora o Visual Studio LightSwitch Beta 1 esteja disponível hoje para os assinantes da MSDN, ele será disponibilizado para download público apenas na próxima segunda-feira, 23 de agosto, através do LightSwitch Developer Center.

Fonte: Baboo

Saiba mais:

Artigos da semana

Deixe um comentário

Alguns links para artigos que vi nessa semana:

Obrigado

Trabalhando com tipos anuláveis

Deixe um comentário

Existem algumas situações onde precisamos estabelecer que uma variável pode ser nula. Isso acontece com muita frequência quando utilizando Modelos Objeto-Relacional, onde uma “cópia” da estrutura das tabelas da base de dados é feita dentro do modelo gerado no Visual Studio em forma de classes. Declarar variáveis como anuláveis é extremamente simples, e pode ser feito assim:

// C# - Pode ser assim
System.Nullable<decimal> decimalAnulavel = null;
System.Nullable<int> inteiroAnulavel = null;
System.Nullable<bool> booleanAnulavel = null;
// C# - Ou assim
decimal? decimalAnulavel = null;
int? inteiroAnulavel = null;
bool? booleanAnulavel = null;
' VB.NET - Existe uma única maneira
Dim decimalAnulavel As Nullable(Of Decimal) = Nothing
Dim inteiroAnulavel As Nullable(Of Integer) = Nothing
Dim booleanAnulavel As Nullable(Of Boolean) = Nothing

Como exemplo, uma variável bool anulável pode receber True, False e Null.

Ao declarar uma variável como anulável, são habilitadas duas novas propriedades:
  • HasValue: determina se a variável anulável possue valor.
  • Value: contém o valor não nulo da variável

Essas duas propriedades pode ser usadas em conjunto, como o código a seguir demonstra.

// C#
if (decimalAnulavel.HasValue)
    Console.WriteLine(decimalAnulavel.Value.ToString());
else
    Console.WriteLine("Valor nulo");
' VB.NET
If (decimalAnulavel.HasValue) Then
    Console.WriteLine(decimalAnulavel.Value.ToString)
Else
    Console.WriteLine("Valor Nulo")
End If

O Operador ?? do C#

O operador ?? facilita a manipulação de tipos anuláveis. Com ele podemos informar um valor fixo caso a variável seja nula.

// C#
Console.WriteLine((decimalAnulavel ?? decimal.Zero).ToString());

No VB.NET é bem parecido, mas não existe o operador ??, então usa-se o próprio If.

' VB.NET
Console.WriteLine((If(decimalAnulavel, Decimal.Zero)).ToString())

O Operador ?: do C#

O operador ?: funciona como um If, com a sintaxe (condicao ? true : false).

// C#
Console.WriteLine((decimalAnulavel.HasValue ?
                   decimalAnulavel.Value.ToString() :
                   "Valor nulo"));

No VB.NET é bem parecido, mas não existe o operador ?:, então usa-se o próprio If.

' VB.NET
Console.WriteLine((If(decimalAnulavel.HasValue, _
                      decimalAnulavel.Value.ToString(), _
                      "Valor nulo")))

Saiba mais:

Obrigado.

Dicas Windows 7

Deixe um comentário

Esta semana, o local onde trabalho comprou alguns novos computadores DELL que já vieram com Windows 7. A maioria das pessoas que receberam esses novos computadores utilizavam anteriormente o Windows XP. Como já faz algum tempo que uso o Windows 7, alguns vieram me perguntar algumas coisas a respeito da utilização dele. Para ajudá-los, procurei algumas coisas na internet e achei alguns sites com dicas interessantes.

Veja:

Mesmo usando o Windows 7 desde o seu lançamento, algumas coisas que li nesses links não conhecia. Muito Bom!

Obrigado

Older Entries